Quatro irmãos são detidos suspeitos de administrar ‘boca de fumo’

0
113

Quatro irmãos, de 17, 20, 23 e 25 anos, foram detidos pela polícia com 2 mil porções de drogas, além de um simulacro de arma de fogo e apetrechos para produção de entorpecentes. A prisão ocorreu nesta terça-feira (16) na estância onde moravam, no Conjunto Shangrilá, bairro Parque Dez de Novembro, na zona Centro-Sul de Manaus.

De acordo com o delegado Henrique Brasil, do 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP), informou que as diligências em torno do caso iniciaram há dois meses, em desdobramento a outras prisões que ocorreram naquela área da cidade.

A polícia diz que os irmãos atuavam de forma organizada. O irmão mais velho era quem coordenava o tráfico de drogas no local, enquanto o de 20 anos era responsável por guardar os entorpecentes. A irmã de 23 anos era responsável por administrar o dinheiro e monitorar a presença da polícia. Já o adolescente fazia a venda do produto.

“Ontem nossa equipe conseguiu identificar o lugar onde eles moravam e hoje deflagramos a ação. Na estância, como está em construção, encontramos os entorpecentes escondidos embaixo de um monte de areia. Essas drogas chegaram pra eles ontem, no fim da tarde. Os quatro passaram a noite embalando as trouxinhas”, informou Brasil.

Na estância onde os irmãos moravam, os policiais civis apreenderam 2 mil trouxinhas de entorpecentes, entre cocaína e oxi, um simulacro de arma de fogo, uma balança de precisão e material para embalo de drogas.

Os três irmãos maiores de idade foram autuados em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e corrupção de menores. O trio será levado para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis.

Já o adolescente irá responder por ato infracional análogo aos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Em seguida, ele será conduzido à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), onde serão adotadas as medidas cabíveis.

Fonte: G1

Comentários

comentários