Policia procura suspeitos de assalto que terminou com morte de um PM

0
932

Policiais seguem à procura dos assassinos do PM Marcelo Chaves de Souza, 34, que foi vítima de latrocínio em uma lanchonete na madrugada deste sábado (28), no bairro Cidade Nova, zona Norte de Manaus. Uma fonte da polícia disse que todos já estão identificados e que a prisão é questão de horas.

Informações extraoficiais que estão circulando em grupos de WhatsApp e nas redes sociais, apontam que a quadrilha procurada é composta por até sete pessoas identificadas inicialmente como Yuri, Jorge, Gabriel, Luciano, William Mello, Neguinho, e o “Porco”, que supostamente seria o líder do bando.

Um vídeo mostra apenas três homens na cena do crime, durante o assalto, que culminou com a morte do PM. Marcelo Chaves morreu vítima de um grave ferimento após ser baleado no tórax durante um assalto a uma lanchonete, quando estava no centro cirúrgico do Hospital e Pronto Socorro Platão Araújo.

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) divulgou na tarde deste sábado uma nota de pesar em homenagem à família do PM, mas não confirmou se os suspeitos procurados são os das imagens divulgadas.

Foto: Divulgação

O vice-governador e secretário de Segurança Pública do Amazonas, Bosco Saraiva, lamenta a morte do policial militar Marcelo Chaves, 34 anos, e manifesta solidariedade à família.

O secretário determinou que a Polícia Militar preste assistência e auxílio com o funeral. Na manhã deste sábado (28), o delegado-geral da Polícia Civil, Mariolino Brito, afirmou que as investigações estão avançadas.

O Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), a Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), o 6° Distrito Integrado de Polícia (DIP) e a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) estão envolvidos nas investigações.

Imagens de câmeras de segurança irão ajudar no processo. “Todos os elementos irão contribuir para a elucidação do fato. As investigações estão avançadas e nós temos certeza que iremos descobrir quem foi que cometeu esse delito”, afirmou Brito.

O crime

O PM Marcelo Chaves, 34, morreu vítima de um grave ferimento após ser baleado no tórax durante um assalto a uma lanchonete na madrugada deste sábado (28), no bairro Cidade Nova, zona Norte, no cruzamento das ruas Rouxinol e Canário.

Três homens roubavam pertences, dinheiro e celulares das vítimas no lanche. Dois deles, que estavam armados, fizeram todos levantarem as camisas. Quando um dos assaltantes se aproximou do PM, com uma arma falsa, o policial tentou reagir e foi agarrado pelo assaltante que impediu que o soldado sacasse a arma dele.

Um segundo assaltante atirou no policial, que foi baleado com um tiro no tórax. O PM estava internado em estado grave no Hospital e Pronto Socorro Platão Araújo, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu hoje de manhã no centro cirúrgico.

Como fugiram

O trio fugiu em um veículo roubado, um Voyage branco, de placas não identificadas. Segundo a PM, o soldado estava de folga. Após ser baleado, Marcelo de Souza foi socorrido e levado para Serviço de Pronto-Atendimento (SPA) Danilo Corrêa, que fica a próximo do local do crime.

Depois foi transferido às 4h11 para o Platão Araújo. O militar baleado, que atua na 18ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), chegou consciente e foi levado para ser submetido a cirurgia. Amigos do PM estavam fazendo doações de sangue do tipo A positivo.

Segundo relatos de vítimas à Polícia Civil, por volta das 2h30, três homens chegaram à lanchonete no Voyage branco. O carro usado pelos criminosos tinha sido roubado no Centro. O motorista foi mantido refém e abandonado na avenida Max Teixeira, nas proximidades do local do segundo assalto.


Um dos meliantes já foi capturado: GABRIEL.

Gabriel foi capturado

 

Fonte: PMS - Portal do Capitão

Comentários

comentários