Polícia prende jovem que matou dois homens por engano em Iranduba

0
275

A Polícia Civil do Amazonas prendeu na manhã desse domingo (14), no município de Iranduba, a 27 quilômetros em linha reta de Manaus, um homem acusado de participar do assassinato de dois homens no ano de 2015. As duas vítimas foram mortas a tiros por engano, após serem confundidos com traficantes. O acusado do crime, Elionai de Brito Vieira, 21, foi preso com mandado de prisão preventiva.

Segundo o delegado Fábio Aly, titular da 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Iranduba, as vítimas do crime são Adilson Xavier Soares Júnior e Luciano Pinto dos Santos, que tinham à época, respectivamente, 22 e 34 anos. Os dois foram mortos no dia 30 de março de 2015, em Iranduba. No dia do delito, Elionai e outros dois infratores efetuaram disparos de arma de fogo em direção às vítimas, que vieram a óbito em seguida.

“O trio tinha como alvo um traficante da área e o confundiu com Adilson, que não tinha qualquer tipo de envolvimento com o tráfico de drogas. No momento dos disparos, Luciano, que estava na companhia de Adilson, ainda tentou correr para se proteger dos indivíduos, mas acabou alvejado também e veio a óbito”, explicou Aly.

Durante os trâmites na unidade policial, foi verificado que Elionai tem passagem pela polícia por tráfico de drogas e roubo majorado em Manaus. O jovem foi indiciado por duplo homicídio qualificado. Ao término dos procedimentos cabíveis na 31ª DIP, ele será levado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), zona rural de Manaus, onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Fonte: Acritica

Comentários

comentários