Pescador criminoso atira contra policiais e leva tiro de fuzil

0
314

Pescadores e policiais militares ambientais trocaram tiros neste feriado pelo Dia de Nossa Senhora Aparecida, em no rio Apa, em Bela Vista, na fronteira com o Paraguai.

Conforme informações divulgadas nesta sexta-feira (13), equipe atuava na fiscalização quando deparou-se com homens que pescavam utilizando rede (petrecho proibido), em um local denominado Corredeira Praia Grande (local proibido para a pesca).

Os policiais do Batalhão Ambiental foram recebidos a tiros / Foto: Divulgação

Ao avistar os policiais, um dos pescadores que estava na mata atirou rumo à embarcação da PMA, no intuito de que houvesse tempo para que o infrator que estava pescando fugisse.

Os militares revidaram com tiros de fuzil e os homens abandonaram a rede de pesca e fugiram pela mata em território Paraguaio. A rede e 17 quilos de pescado que estavam em uma sacola foram apreendidos. Os peixes foram doados para a APAE de Bela Vista.

Números
Durante a fiscalização entre quinta e sexta-feira, policiais retiraram do rio Apa,mais cinco redes de pesca e 30 anzóis de galho, que estavam armados no curso d’água. Os proprietários dos materiais ilegais não foram localizados.

Segundo a PMA, fiscalizações preventivas dessa natureza são fundamentais para a prevenção à pesca predatória, tendo em vista o grande poder de captura e depredação dos cardumes, dos petrechos proibidos de pesca como esses retirados do rio pelos policiais.

Fonte: Capital News

Comentários

comentários