Perseguição policial termina com policiais feridos em Manaus

0
281

Dois assaltantes armados roubaram um carro e trocaram tiros com a Polícia Militar depois de colidir o veículo onde estavam contra uma viatura da Polícia Civil. O confronto ocorreu na noite de quinta-feira (22), no bairro Cidade Nova, na Zona Norte de Manaus. Dois investigadores que transportavam um preso no momento da colisão ficaram feridos. Os criminosos conseguiram fugir.
Segundo a Polícia Militar, um motorista foi abordado por dois homens armados, por volta das 22h, e teve carro, Suzuki modelo Jimny verde, roubado. O veículo foi levado da rua Hokkaido, no conjunto Jardim Oriental, no bairro Parque 10.
O proprietário do veículo acionou a PM. Por volta das 22h50, uma viatura da 12ª Companhia Interativa Comunitária (CIcom) avistou o carro roubado quando fazia patrulhamento na entrada do conjunto Manoa, na Zona Norte da capital. Os policiais militares iniciaram uma perseguição aos criminosos, que tentaram fugir.
Durante a fuga, a dupla avançou na direção de uma viatura da Polícia Civil que trafegava no sentido oposto, na rua São Luiz. O veículo atingiu parte da área frontal e lateral esquerda da viatura, onde dois investigadores e um preso estavam.

Os assaltantes desceram do veículo atirando na direção das equipes da polícia e trocaram tiros. A dupla conseguiu fugir correndo. Os criminosos abandonaram o carro roubado, uma pistola calibre 380 e um carregador, com nove munições.
De acordo com a delegada plantonista do 18° Distrito Integrado de Polícia (DIP), Patrícia Leão, os investigadores trabalham no 18° DIP e estavam a caminho do Instituto Médico-Legal (IML), quando foram surpreendidos pelos assaltantes.
“Os investigadores estavam conduzindo um preso para fazer o exame de corpo e delito no IML. A viatura estava com giroflex ligado e suspeitamos que os infratores acharam que era um cerco policial. O investigador disse que a rua era estreita e dirigia a 40 km de velocidade quando o carro veio na direção da viatura. O investigador que estava dirigindo ficou desacordado depois de bater a cabeça”, explicou a delegada.
Os dois investigadores da Polícia Civil ficaram feridos com impacto da colisão e precisaram ser atendidos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Os policiais foram levados para o Hospital Pronto-Socorro (HPS) Platão Araújo. Um deles sofreu luxação no braço e corte na cabeça.
O preso transportado na viatura não ficou ferido e foi levado de volta para o 18° DIP por uma equipe do Denarc, que passava pelo local e deu apoio.
O carro roubado foi entregue à vítima e o veículo da Polícia Civil foi guinchado para Delegacia Geral. O caso foi registrado no 15° DIP.

Fonte: G1 Amazonas

Comentários

comentários