Garota morre ao tentar deter vizinho que queria matar mãe

0
232

A noite da véspera de Natal, realizada no último domingo (24), terminou em tragédia na cidade de Vespasiano, que está localizada na região metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais. Um suspeito, que já foi localizado pela polícia, de 40 anos, assassinou uma vizinha, que tinha apenas 22 anos, depois que a mulher tentou detê-lo, junto de dois outros rapazes. O assassino estava tentando arrombar o portão da casa da mãe e com uma faca atingiu a mulher e os homens. Todos foram socorridos, mas a jovem, que deixa uma filha pequena, não resistiu aos ferimentos.
As informações do caso foram divulgadas pela Polícia Civil. Conforme os primeiros relatos, o homem, identificado como Weverson Barbosa de Brito, estava tentando invadir a casa da própria mãe. O suspeito tentava arrombar o portão no momento em que a jovem chegou acompanhada de dois homens para intervir na invasão. No entanto,nto, armado com uma faca, o criminoso atacou o grupo. A única vítima fatal, identificada como Ana Paula Santana, levou uma facada no pescoço e faleceu no Hospital Risoleta Neves. Os outros dois rapazes fora atingidos nas costas e no braço direito. Um deles já teve alta.

A Polícia Civil também revelou que logo após o crime a Polícia Militar recebeu denúncias de que um homem havia sido capturado por moradores e estava sendo espancado. O homem era o assassino da jovem, que havia tentado fugir depois do ataque. No momento em que os locais tentavam linchá-lo, a polícia chegou e terminou com a confusão. O homem foi preso e encaminhado para o presídio local.
Os policiais não revelaram por qual motivo o suspeito estava tentando invadir a casa da própria mãe. Assim que foi preso, Weverson foi autuado por homicídio duplamente qualificado. Apesar de ter assassinado apenas a jovem, o suspeito também responderá pela tentativa de matar os outros dois rapazes.
Além da filha pequena, que não teve a idade divulgada, Ana Paula, que era dona de casa, também deixa um marido, que não teve a identidade informada.

Fonte: Folhamax

Comentários

comentários