Garçom é morto dentro de bar onde trabalhava na Zona Leste de Manaus

0
142
Foto: Reprodução

Rosivan Pinto dos Santos, 25, morreu após ser atingido com três tiros em um bar na Zona Leste de Manaus. O crime ocorreu na madrugada desta quarta-feira, 15, na comunidade da Sharp, no bairro Armando Mendes.

Rosivan trabalhava como pedreiro durante o dia e a noite operava como garçom, no bar localizado entre as ruas CCE e Semp Toshiba. Ele foi baleado dentro do estabelecimento, por volta de meia-noite. O proprietário do bar disse à Polícia Civil que estava dando o troco de um cliente quando ouviu o primeiro disparo e achou que o barulho era de “bombinhas” de artifício e depois ouviu mais tiros. Ele disse à polícia que, na confusão, não conseguiu ver quem atirou do funcionário. A vítima foi atingida com dois tiros no tórax e um na perna. Ele foi socorrido e levado para o Hospital Pronto-Socorro João Lúcio (HPS) e morreu no local.

Santos tinha sido preso pela polícia em 2015 pelo crime de tráfico de drogas. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) vai investigar se a vítima tem ligação com tráfico de entorpecentes.

Comentários

comentários