Cidade sem bombeiros: Escola pega fogo e é contido após mobilização da população

0
242

Um incêndio atingiu a Escola Estadual Tomé de Medeiros Raposo, no município de Lábrea, distante 702 Km de Manaus, neste sábado (11). Vários equipamentos foram destruídos. Segundo a Polícia Militar (PM), as chamas foram combatidas por moradores da área e ninguém ficou ferido. Não havia estudantes no momento do ocorrido. A suspeita é de que o incêndio tenha sido criminoso.
A Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC) informou que a escola está no cronograma de reformas da pasta e, portanto, não abriga aulas.

“No local estavam apenas alguns materiais pertencentes à Coordenadoria Regional de Educação do município que foram todos retirados do local pelas pessoas que ajudaram a controlar o incêndio e não houve prejuízos. Na segunda-feira uma equipe da SEDUC irá ao local para avaliar a dimensão dos danos no prédio. Ainda neste sábado todo o material que estava abrigado na escola foi transferido para outro prédio da SEDUC. A Secretaria de Educação informa, ainda, que a escola estava interditada desde 2015”, informou a pasta em nota.

De acordo com o tenente Laurênio, da 4ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), do município de Lábrea, a polícia foi informada sobre o incêndio durante a manhã. O município não tem base do Corpo de Bombeiros.
Os policiais isolaram a área e buscaram soluções para conter as chamas. “Procuramos um senhor que estava com um carro-pipa, com a ajuda de dois vereadores e alguns moradores que se prontificaram de imediato. Pedimos o apoio da empresa distribuidora de energia, desligando o fornecimento de energia e apagamos as chamas de maneira rápida e eficaz”, disse o tenente.
A direção da escola foi informada pelos policiais sobre o ocorrido. A suspeita, segundo o tenente Laurênio, é de que o incêndio tenha sido criminoso.

Fonte: G1 Amazonas

Comentários

comentários