Casal coloca fogo em micro-ônibus da PM e são presos. Adivinha o motivo? Fotos e vídeo

0
288

A Polícia Militar apreendeu uma adolescente de 17 anos, acusada de incendiar um micro-ônibus da corporação, na madrugada desta sexta-feira (24), no bairro Pedra 90, em Cuiabá. Ela teve ajuda do namorado, identificado como Waldiney Fernandes de Barros, 19 anos, que teve a motocicleta apreendida pelos militares, minutos antes do ocorrido. Eles utilizaram um galão com gasolina para cometer o crime.

Segundo as informações do boletim de ocorrências (BO), os policiais faziam rondas pelo bairro quando avistaram Waldiney em atitude suspeita. Foi realizada a abordagem e nada de ilícito foi encontrado. Próximo do local estava uma motocicleta, de propriedade do suspeito. Durante checagem, ficou constatado que o lacre estava violado.

Além disto, o suspeito não estava com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e nem com os documentos do veículo. Sendo assim, a motocicleta foi apreendida. Minutos depois do ocorrido, a equipe ouviu no rádio que um micro-ônibus da Polícia Militar, que estava estacionado ao lado da base comunitária do Pedra 90, havia sido incendiado.
Testemunhas informaram que um casal em uma motocicleta havia jogado gasolina no veículo e repassaram as características. A equipe que apreendeu a moto de Waldiney o reconheceu e por conta disto foi até o local onde o veículo foi apreendido. Chegando lá, encontrou o tio da menor, que passou o seu endereço.
Na casa da menina, o pai afirmou que ela não estava, mas que havia pedido um galão de gasolina, junto com Waldiney, para abastecer a moto da cunhada. A equipe então seguiu para a casa desta última e encontrou o objeto. A adolescente também foi encontrada e apreendida. Ela disse não saber onde o namorada estaria.
Foram realizadas buscas pela região, mas o acusado não foi encontrado. Durante a abordagem, ele havia informado que tinha passagens por tráfico de drogas, tentativa de homicídio, furto e roubo quando era menor. A menor foi encaminhada para a Central de Flagrantes com escoriações na perna, já que tentou resistir.

Fonte: Olhar Direto

Comentários

comentários